ALERTAS RI Quer ficar informado e receber os alertas
de RI, preencha os campos abaixo:
RESULTADOS Acesse o canal completo. VER TODOS RESULTADOS
Nossas Práticas
Boas práticas de gestão são desejáveis para qualquer organização que almeja crescer e se perpetuar. No caso de uma Companhia de origem familiar, a adoção de políticas transparentes, práticas administrativas diferenciadas e diretrizes sólidas na relação com a família ganha ainda mais importância.

Em 1989 quando o Grupo Algar, controlador da Algar Telecom, percebeu que o caminho para seu crescimento passava necessariamente por uma modificação geral de sua estrutura de negócio, optou por um rigoroso modelo de governança corporativa que separou a estratégia dos negócios dos interesses pessoais dos integrantes da família controladora, o que representou um marco para impulsionar o crescimento da organização. Reflexo desse compromisso – e com os avanços na adoção de boas práticas –, o Grupo recebeu, em 2009, o reconhecimento do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) na categoria Empresas Não Listadas.

Assim, os negócios da Algar Telecom são geridos de acordo com as melhores práticas de governança corporativa e com o compromisso de transparência, prestação de contas e equidade. Companhia aberta desde 2007, ano em que a Algar Telecom realizou uma emissão pública de debêntures, a Companhia trabalha no constante aprimoramento de seu sistema de governança por entender que este é o caminho para a sustentabilidade de seus negócios.

Entre as práticas de governança corporativa adotadas pela Companhia, destacam-se:
 

Conselho de Administração com Maioria de Membros Externos

As atividades do Conselho de Administração da Algar Telecom são pautadas por um regimento interno que observa o disposto na Lei das Sociedades por Ações, o Estatuto Social vigente e o Código de Boas Práticas de Governança Corporativa do IBGC.

Comitês de Apoio ao Conselho de Administração

A Algar Telecom mantém três comitês de apoio ao Conselho de Administração, os quais são constituídos por membros externos do Conselho e por especialistas independentes eleitos pelo Conselho com o objetivo de aprimorar a sua gestão e aumentar a eficácia das decisões.

Diretoria Executiva Experiente

A Algar Telecom conta com um corpo de executivos amplamente experientes e qualificados no setor de telecomunicações e que são responsáveis pela implementação das diretrizes de negócios definidas pelo Conselho de Administração.

Auditorias

A gestão transparente, alinhada aos preceitos que regem a governança corporativa, ganha força com os trabalhos exercidos por uma auditoria interna, que fiscaliza, avalia e propõe melhorias nos processos e mecanismos de controle da Companhia, e por uma auditoria externa, realizada por uma empresa independente. Os trabalhos estão subordinados ao Comitê de Auditoria e Gestão de Riscos, órgão de apoio do Conselho de Administração. A auditoria interna é formada por um grupo de 14 pessoas e, para garantir a isenção do trabalho, não há vinculação hierárquica com a Companhia. A auditoria externa, por sua vez, é feita pela Ernst & Young. Há mais de 20 anos, a Algar Telecom conta com auditores independentes de reconhecimento global, conhecidos como big Four, fazendo periodicamente o rodízio, como recomendam as melhores práticas.

Gestão de riscos

A Algar Telecom adota, desde 2004, um plano de gestão de riscos desenvolvido com o apoio de uma consultoria externa. Em 2010, essa gestão foi aprimorada e ampliada e o controle deixou de ser exercido por um grupo para permear toda a organização. Esta evolução teve como foco contribuir para o cumprimento dos objetivos estratégicos e a proteção dos ativos da Companhia, garantindo também um desenvolvimento sustentável e a agregação de valor não só para os acionistas, como para os demais públicos com os quais a Companhia se relaciona (stakeholders). O framework utilizado teve como referência as definições e os conceitos apresentados no COSO – Gerenciamento de Riscos Corporativos Estrutura Integrada, ISO 31000 e Guia de Orientação de Gestão de Riscos do IBGC. Na primeira fase, foram identificados os principais riscos estratégicos corporativos da Companhia. Na segunda fase, foram diagnosticados os riscos operacionais. Para cada risco identificado, definiram-se planos de ações específicos para mitigação de acordo com o impacto e a probabilidade de ocorrência, cuja implantação e efetividade devem ser validadas pela auditoria interna. O Conselho de Administração, através do Comitê de Auditoria e Gestão de Riscos, acompanha sistematicamente a eficácia do processo.

Código de Ética

A Algar Telecom segue o Código de Conduta Ética do grupo Algar, o qual orienta as ações dos associados e a conduta da Companhia com todos os públicos com os quais mantém relacionamento. Elaborado dentro das normas do grupo, o código alinha o profissionalismo com a visão, missão e valores da Companhia. A intenção é manter um relacionamento de confiança e ética entre associados, clientes, fornecedores, comunidade e acionistas, tornando-o duradouro.

 

Empresas do Grupo Algar
Política de Privacidade | Links Úteis | Glossário | Termos e Condições Algar © 2011 - Todos direitos Reservados
RIWEB